fbpx

O que o Brasil precisa fazer para subir no ranking de liberdade econômica

O que o Brasil precisa fazer para subir no Ranking de Liberdade Econômica (e melhorar a vida dos brasileiros)

O Brasil ocupa a 143ª posição em Liberdade Econômica, entre 178 países, em 2021. O índice mede uma série de indicadores relacionados ao ambiente econômico e institucional, classificando os países entre aqueles mais e menos propícios ao crescimento econômico e à melhora na qualidade de vida da população. Esses são alguns pontos que prejudicam o Brasil e as medidas que podem ser tomadas para subir no ranking.

❌Contas públicas desorganizadas

Posição: 173/178

Diagnóstico: contas públicas fora de controle, deficit e dívida do governo elevados.

Solução: reformas para reduzir gastos obrigatórios, subsídios e privilégios podem dar mais sustentabilidade fiscal ao País, garantindo também mais recursos para investimentos no essencial ao cidadão.

❌Insegurança jurídica

Posição: 81/178

Diagnóstico: o Judiciário brasileiro, apesar de ser o mais caro do mundo, não entrega à sociedade o que se espera dele. Além de toda morosidade e ineficiência, muitas decisões criam insegurança jurídica.

Solução: melhorar a gestão dos processos, automatizar tribunais, criar resoluções alternativas de litígios e reduzir o favoritismo na obtenção de decisões judiciais pode ajudar o Brasil a reduzir sua insegurança jurídica.

❌Corrupção

Posição: 70/178

Diagnóstico: a falta de integridade do governo causada por práticas como suborno, extorsão, nepotismo e clientelismo reduz a confiança no Brasil, aumentando os custos da atividade econômica.

Solução: Adotar medidas para reduzir a incidência de propina, aumentar a transparência governamental, reforçar os mecanismos de combate à corrupção e combater a impunidade melhorariam a posição do Brasil em integridade governamental.

❌Pouca liberdade para trabalhar e empreender

Posição: 132/178

Diagnóstico: o mercado de trabalho brasileiro é um dos menos flexíveis do mundo. O País concentra a maior parte dos litígios trabalhistas do planeta.

Solução: diminuir dificuldades para contratar e demitir, facilitar a abertura de empresas, o pagamento de impostos e cortar entraves burocráticos tornariam o Brasil um país mais favorável para a geração de oportunidades.

❌Alta carga tributária

Posição: 138/178

Diagnóstico: o Brasil arrecada, como % do PIB, bem mais que a média dos países em desenvolvimento e da América Latina. Os serviços, entretanto, não correspondem ao esperado.

Solução: após controlar os gastos públicos e voltar a ter sustentabilidade fiscal, uma redução dos impostos faria o estado pesar menos no bolso do cidadão e melhoraria a posição do Brasil em matéria de carga tributária.

A liberdade econômica é o caminho para o Brasil aumentar sua produtividade, estagnada há 40 anos, e se tornar um país de oportunidades. Há muito o que fazer para termos o Brasil que merecemos. Já estamos atrasados.

Receba nossas

novidades por

email