fbpx

Apesar de voto do NOVO, COAF sai do Ministério da Justiça

22 de maio de 2019

Parlamentares decidiram votar nesta quarta-feira, 22, a Reforma Administrativa do governo, a MP 870, que enxugou o número de ministérios entre outras mudanças estruturais.

 

Embora tenha sido longo o debate, com voto contrário da Bancada do NOVO, a transferência do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) do Ministério da Justiça para o Ministério da Economia se manteve, conforme aprovado já na CCJ.

 

O Coaf tem como missão produzir inteligência financeira e conter a lavagem de dinheiro, a ocultação de patrimônio e o financiamento de atividades criminosas ou terroristas. A missão de “seguir o dinheiro” torna o órgão estratégico para esclarecimento de crimes. O ministro Sérgio Moro manifestou-se publicamente para que o Coaf permanecesse sob sua pasta.

 

O NOVO segue apoiando todas as medidas que combatam a corrupção e diminuam o peso do Estado sobre os cidadãos.

 

#NOVOnaPrática

 

Receba nossas

novidades por

email