NOVO SP é contra a criação do “auxílio-veículo”

NOVO SP é contra a criação do “auxílio-veículo”

Compartilhar

A Assembleia Legislativa de SP (ALESP) vai criar um “auxílio-veículo” de R$ 4.244 mensais para cada deputado que decidir abrir mão do automóvel da frota da Casa.

A proposta de resolução foi feita pela Mesa Diretora da ALESP e ainda precisa ser votada no plenário.

 

Os deputados do NOVO, Daniel José, Heni Ozi, Sergio Victor e Ricardo Mellão,  que já abriram mão dos benefícios que teriam direito no exercício de seus mandatos, também renunciarão a mais esse privilégio.

 

 

Daniel José usou o seu tempo de tribuna para defender o fim do privilégio:

“Eu e meus colegas NOVO 30 defendemos que este auxílio seja retirado da já muito alta verba de gabinete, que hoje é de cerca de 33 mil reais. Fomos questionados sobre a insignificância do valor dado o orçamento estadual, mas acho coerente liderar pelo exemplo e respeitar ao máximo o dinheiro do pagador de impostos”.

 

 

 

Para impedir que esse novo auxílio seja criado, os parlamentares do NOVO protocolaram 5 emendas ao projeto de resolução.

 

“Nós da bancada do NOVO somos contra esse novo auxílio que custaria perto de 5 milhões por ano aos cofres públicos. Os deputados já dispõem de carro oficial e de um elevado valor em verbas de gabinete. “, afirma Heni Ozi.

 

Austeridade com o dinheiro dos impostos é um dever com a sociedade.

É importante o acompanhamento e a fiscalização pelos eleitores e o apoio ao NOVO, que se colocará contra mais esse gasto na conta da população.

 

#NOVOnaPrática