fbpx

Tudo o que você precisa saber sobre Educação Profissional

Tudo o que você precisa saber sobre educação profissional:

▶ O que é?

A educação profissional é formada por programas que atraem diversos perfis de alunos, em especial jovens que buscam conhecimento técnico para entrar no mercado de trabalho ou adultos que desejam aumentar sua empregabilidade.

▶ Vantagens

Os sistemas de educação profissional podem impulsionar o desenvolvimento econômico através do aumento da produtividade e ajudar os países a permanecerem competitivos num mundo globalizado, onde setores se transformam com rapidez.

As evidências mostram que países com programas de ensino técnico bem estabelecidos têm sido mais eficazes em reduzir o desemprego entre jovens e em fornecer as habilidades necessárias ao mercado de trabalho.

▶ Integração

Em sistemas de educação técnica de alta qualidade, a cooperação com as empresas é fundamental. O aprendizado é alinhado com as demandas do mercado de trabalho e os professores podem manter seus conhecimentos atualizados com as melhores práticas do setor.

▶ Categorias

Os programas podem ser divididos entre aqueles baseados “em escola” ou “em trabalho”. Apesar de ambos combinarem elementos teóricos e práticos, eles diferem no foco dado.

Os sistemas de educação profissional são classificados como “baseados no trabalho” pela OCDE se pelo menos 25% do currículo é composto de treinamento dentro das empresas e até 75% dentro do ambiente escolar.

▶ Cenário Brasileiro

Segundo a OCDE, não há, no Brasil, quantidade significativa de cursos técnicos baseados em trabalho. Para efeito de comparação, na Alemanha, 90% dos cursos técnicos são baseados em trabalho. As taxas de matrícula também são muito baixas: aqui, apenas 11% dos matriculados no ensino médio estão em cursos técnicos, contra 46% na Alemanha.

A baixa disponibilidade de cursos e a pouca integração com o setor privado acabam por impedir que o país colha os benefícios do ensino técnico em aumento de produtividade e redução da taxa de desemprego, principalmente entre os jovens e trabalhadores de baixa qualificação.

▶ Mudanças para o Brasil

A reforma do ensino técnico no Brasil deve ter dois objetivos fundamentais: aumentar o acesso a quem precise e a integração com as empresas, não apenas na formação do currículo, mas também em parcerias para o aprendizado dentro do ambiente de trabalho.

Receba nossas

novidades por

email