fbpx

Deputados do NOVO RJ promovem capacitação para fiscalização de contas públicas para voluntários

17 de julho de 2020

O Governo Federal e o Congresso Nacional aprovaram pacotes de ajuda a diversos setores, bem como a liberação de recursos para estados e municípios. Tais medidas  incluíram a dispensa de licitação visando agilizar o atendimento à população e as ações necessárias ao enfrentamento da COVID-19.

Uma série de casos de corrupção com superfaturamento de equipamentos e descuido com o dinheiro público foi noticiada pelo país. No Rio de Janeiro não foi diferente, com casos de prisão e de pedido de impeachment do governador Wilson Witzel aprovado na Assembleia.

Observando essa triste tendência, a equipe do deputado federal, Paulo Ganime (NOVO/RJ), tem trabalhado em conjunto com o deputado estadual Alexandre Freitas, também do NOVO-RJ, no combate à corrupção nas compras em todas as esferas de governo. Uma série de denúncias foram enviadas pelos deputados ao tribunal de contas estadual, baseadas na análise de contratos firmados para combater a pandemia.

Visando multiplicar as ações de fiscalização, nas últimas semanas, os deputados vêm promovendo uma série de capacitações em fiscalização de compras públicas para os voluntários interessados em ajudar nas fiscalizações. 

Para Yara Haquim, assessora de relações institucionais do deputado federal Paulo Ganime (NOVO-RJ), o treinamento tem o propósito de trazer o cidadão para perto da política. “O treinamento é importante para conseguirmos maior capilaridade de fiscalização no estado, mantendo a equipe do gabinete enxuta, e, também, para darmos mais poder ao cidadão. Trazendo, para nós, a visão de quem acompanha o dia a dia dos municípios”, explicou Haquim.

O deputado estadual do NOVO Alexandre Freitas, acredita que o Estado precisa de vigilância constante e a principal ferramenta para tal é a fiscalização. O Rio de Janeiro é um estado com 92 municípios e cerca de 16 milhões de habitantes. “Por termos uma equipe enxuta e por limitações geográficas, fiscalizar tudo isso sozinhos é impossível. Com apoio e capacitação dos nossos voluntários, seremos capazes de fiscalizar melhor o uso correto do dinheiro público e coibir os desvios que, infelizmente, são tão recorrentes no nosso estado”, explica Freitas.

As capacitações, que ocorreram por meio de videoconferência, forneceram um tutorial de fiscalização sobre os processos de compras do estado, que consiste em quatro passos: mineração, detalhamento, auditoria e denúncia.

Para o líder da bancada do NOVO na Câmara, Paulo Ganime, esses treinamentos são essenciais para o cidadão. “O cidadão tem que participar mais ativamente da vida de sua cidade, fiscalizar e cobrar a ação de seus políticos e gestores, muitos não sabem que podem fazer isso. Esse treinamento é muito importante para ajudá-los nesse processo, mostrar que é algo possível e acessível para todos e, também, para nós, que passamos a conhecer a realidade e necessidade dos moradores nessas localidades”, declarou.

#NOVOnaPrática

Fotos: divulgação

Receba nossas

novidades por

email